Este valor representa um aumento de 140% face ao mesmo período do ano anterior. No top-3 das categorias de créditos mais concedidos estão também a consolidação de créditos com 1,2 milhões de euros e a liquidez com um milhão de euros.

Nos primeiros cinco meses de 2021 o crédito para a realização de obras em casa registou um aumento de dois milhões de euros, equivalente a um crescimento de 140% face ao mesmo período do ano anterior, de acordo com os dados da fintech Younited Credit divulgados esta quarta-feira, 23 de junho.

Neste período o montante de crédito pedido à fintech europeia foi 5,9 milhões, face aos 2,5 milhões concedidos no período homólogo de 2020, num aumento de 136%.

Além das obras, o top-3 das categorias com mais créditos concedidos é composta pela consolidação de créditos com 1,2 milhões de euros e a liquidez com um milhão de euros, com crescimentos respetivos de 126% e 95%, em comparação com o ano anterior.

Em conjunto, foram atribuídas a estas três categorias um total de 4,3 milhões de euros em créditos, mais 123% do que em 2020. Outro pedido de crédito com maior procura foi a mudança de casa com um aumento de 561% para os 152 mil euros face ao período homólogo.

Pablo Ripol, Director de marketing da Younited Credit Iberia, refere que a empresa “tem sido uma solução muito procurada pelos portugueses, pela simplicidade de todo o processo, que é 100% online, sem exigência de fiadores e sem penalizações por amortizações totais ou parciais”, destacando que o confinamento obrigou as pessoas a olharem para as suas casas de forma diferente, dado que devido à pandemia terão de trabalhar dentro da sua habitação mais tempo do que o previsto.

“É por isso natural que haja esta subida nos pedidos de crédito para obras e mudança de casa, assim como é natural que haja uma maior concentração de pedidos na organização da vida financeira de cada família, ao consolidarem todos os créditos num só”, salienta.

A fintech europeia entrou no mercado nacional em junho de 2018, tendo alcançado a meta dos 10 milhões em créditos concedidos nos primeiros 10 meses de operação no país. Desde a sua fundação, em 2011, que a Younited Credit já concedeu mais 2,5 mil milhões de euros em empréstimos a nível global, através de uma comunidade de investidores qualificados aos quais permite que financiem diretamente os créditos ao consumo, através de aplicações em fundos dos quais o crédito é concedido para financiar os clientes da fintech.

Fonte: O Jornal Economico.

  • há 3 meses